PROJETO ÓPERA: ESTÉTICA E PSICANÁLISE DISCUTE A PAIXÃO EM RECITAL LÍRICO COMENTADO NO DIA 27 DE ABRIL

Publicado em Abril 22, 2021
Autor / Fonte: JÉSSICA BARCELLOS COMUNICAÇÃO


PROJETO ÓPERA: ESTÉTICA E PSICANÁLISE DISCUTE A PAIXÃO EM RECITAL LÍRICO COMENTADO NO DIA 27 DE ABRIL

Instituto Ling/ Divulgação

O evento virtual terá participação da soprano Helena Losada, do tenor Leonardo Menin e do pianista Rodolfo Wulfhorst interpretando ao vivo temas de Verdi, Mozart, Donizetti e Lehár, enquanto o maestro Ronel Alberti e o professor Rafael Werner trazem análises sobre alguns dos personagens mais marcantes do mundo da ópera.

Com curadoria do barítono Carlos Rodriguez, o projeto propõe apresentar uma visão de diferentes personagens da história da música à luz da estética filosófica e da psicanálise. A partir dos comentários e das performances de canto e piano, o público será guiado pelas motivações ocultas de personagens marcantes do mundo da ópera, além de conhecer mais sobre a linguagem estética de grandes compositores. Dividido em três edições independentes, o projeto estreou em março deste ano, falando sobre a temática da vingança, e retorna no próximo mês para explorar personagens marcantes de histórias de traição.

 

Sobre os participantes

Carlos Rodriguez (curador) é barítono, graduado em Ópera e Música de Câmara no Conservatório Superior de Música de Maastricht e em Stage Training for Opera Singers no Jeker Studio, Holanda. Cantou em diversas óperas no Brasil e Europa. Foi curador da programação lírica do Studio Clio e, atualmente, é coordenador da Agenda Lírica.

Ronel Alberti da Rosa (ministrante) é graduado em regência pela Escola Superior de Colônia, da Alemanha, e mestre e doutor em Filosofia pela PUCRS. Realizou estágio de pesquisa na Karl-Eberhard Universität de Tübingen e de pós-doutorado em Ética na Mídia, na Universidade de Kaiserslautern, na Alemanha. Leciona as disciplinas de Bioética e Estética Filosófica na PUCRS.

Rafael Werner Lopes (ministrante) é professor, psicanalista e doutor em Filosofia, com áreas de concentração em Ética e Antropologia. Coordena o Polifacética: Grupo de Pesquisa em Filosofia Contemporânea e Psicanálise. É membro do Coletivo Marginais & Mal-Ditos e da Associação Livre Psi - Psicoterapia e Psicanálise: Clínica e Pesquisa. É também coordenador do Centro de Estudos em Filosofia e Humanidades e membro associado do Centro de Estudos Psicanalíticos de Porto Alegre.

Helena Losada (soprano) é estudante de Canto da UFRGS. A jovem artista começou os estudos musicais através do piano, aos sete anos, tendo gravado o primeiro disco infantil no ano seguinte. Iniciou sua carreira no canto lírico em 2016, quando foi selecionada para integrar o Coro Sinfônico da OSPA, com o qual se apresentou como solista e corista. Integrou os cantores da ópera Don Giovanni, de Mozart, e interpretou a personagem Lauretta na ópera Il Maestro di Musica, de Pergolesi. Em 2019, aos 20 anos, obteve o segundo lugar no Concurso Internacional de Canto Maria Callas.

Leonardo Menin (tenor) é bacharel em Canto pela UFRGS. Foi um dos solistas da Missa do Orfanato, de Mozart, no projeto Ópera na UFRGS e também na obra Magnificat, de Vivaldi, com a Sphaera Mundi Orquestra, na PUCRS. Participa ativamente de saraus e recitais no Instituto de Artes da UFRGS, na Casa da Música, na Sociedade Italiana, no Museu de Medicina do Rio Grande do Sul e na Biblioteca Pública do Estado.

Rodolfo Wulfhorst (pianista) começou a estudar piano aos oito anos, com sua mãe, e posteriormente fez aulas com Ney Fialkow. Formado em Ciências da Computação, concluiu seu mestrado em Inteligência Artificial Aplicada à Música, em 2002, na UFRGS. Desde 1992, atua como pianista acompanhador, participando de grandes eventos com conceituados músicos do cenário erudito nacional. Atualmente, participa dos projetos Terça Lírica e Arte Lírica, em Porto Alegre.

Esta programação tem realização do Instituto Ling e Ministério do Turismo / Governo Federal, com patrocínio da Crown EmbalagensFitesa America Tampas.

 

SERVIÇO – PROGRAMAÇÃO ON-LINE – MÚSICA

Ópera: Estética e Psicanálise | Paixão

Recital lírico comentado pelo maestro Ronel Alberti e o professor Rafael Werner, com participação da soprano Helena Losada, do tenor Leonardo Menin e do pianista Rodolfo Wulfhorst

Dia 27 de abril, terça-feira, às 19h, em link privado do YouTube

As inscrições custam R$ 20 e podem ser feitas no site www.institutoling.org.br

Após a inscrição no evento, o público receberá por e-mail um material de apoio com detalhes sobre as obras e os compositores analisados nesta edição

 

Classificação etária: Livre

Duração: 90 minutos

 

Informações úteis

institutoling.org.br

www.facebook.com/InstitutoLing

www.instagram.com/Instituto.Ling

twitter.com/@InstitutoLing

www.youtube.com/c/InstitutoLingCultural

Fone: 51 3533-5700

Email: instituto.ling@institutoling.org.br

 

Sobre o Instituto Ling

Com 25 anos de atuação, o Instituto Ling é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a transformação da sociedade através da educação e da cultura. Criado e mantido pela família Ling, atua em três segmentos: educação, cultura e saúde. Sua missão é promover o desenvolvimento humano e a evolução da sociedade através da disseminação de diferentes formas do conhecimento, da liberdade de pensamento, da valorização da cultura e da saúde. Na área da educação, desde 1995 auxilia jovens líderes a desenvolverem seus potenciais intelectuais e empreendedores através da concessão de bolsas de estudo para as melhores instituições do mundo. A abertura de seu centro cultural em Porto Alegre, no ano de 2014, ampliou e solidificou a atuação do Instituto, firmando-o como centro de referência na disseminação do conhecimento e do livre-pensar, fomentador da educação de excelência em seus múltiplos formatos e provedor de serviços e produtos culturais diferenciados, com elevado padrão de qualidade e estética.

Na área da saúde, o Instituto Ling estabeleceu parceria com o Hospital Moinhos de Vento, em 2015, para a implantação de um centro de referência no tratamento do câncer em Porto Alegre, e com a Santa Casa de Misericórdia, em 2019, contribuindo para a construção do novo prédio do complexo hospitalar em Porto Alegre. A família Ling, mantenedora do Instituto, é proprietária da “holding company“ Évora. O grupo empresarial produz e comercializa latas de alumínio para bebidas, não-tecidos de polipropileno (usados principalmente na produção de descartáveis higiênicos) e tampas plásticas para bebidas e produtos de higiene e beleza.


Mais Fotos